Evite Cobranças Indesejadas em Pagamentos Recorrentes

A taxa de pagamento recorrente tem se tornado cada vez mais popular nos últimos anos, principalmente devido ao crescimento do comércio eletrônico e dos serviços por assinatura.

Então, essa forma de cobrança consiste em autorizar uma empresa a debitar automaticamente um valor pré-determinado em intervalos regulares, geralmente mensais, da conta bancária ou do cartão de crédito do consumidor.

Logo, o objetivo deste post é esclarecer dúvidas e orientar sobre os cuidados necessários ao optar por essa forma de pagamento.

Photo Customer retention

Resumo

  • A taxa de pagamento recorrente é uma forma de cobrança automática que ocorre em intervalos regulares;
  • A cobrança recorrente funciona através da autorização do cliente para que a empresa faça a cobrança automaticamente;
  • Os riscos de deixar a cobrança automática incluem cobranças indevidas e dificuldade em cancelar o serviço;
  • Para cancelar a cobrança recorrente, é necessário entrar em contato com a empresa e solicitar o cancelamento;
  • As políticas de cancelamento das empresas podem variar, por isso é importante ler os termos e condições antes de contratar o serviço.

O que é a taxa de pagamento recorrente?

A taxa de pagamento recorrente é uma forma de cobrança em que o consumidor autoriza uma empresa a debitar automaticamente um valor pré-determinado em intervalos regulares.

Logo, essa forma de pagamento é comumente utilizada por serviços como:

  • Streaming de música e vídeo;
  • Academias;
  • Clubes;
  • Seguros e muitos outros.

Portanto, ao optar por essa forma de cobrança, o consumidor evita a necessidade de efetuar pagamentos mensais manualmente, garantindo assim a continuidade do serviço.

Como funciona a cobrança recorrente?

A empresa debita automaticamente um valor pré-determinado em intervalos regulares, geralmente mensais, da conta bancária ou do cartão de crédito do consumidor, que autoriza essa ação.

O consumidor pode autorizar a cobrança por meio de um contrato assinado ou de um cadastro online. A empresa realiza os débitos nos prazos estabelecidos e disponibiliza ao consumidor as informações referentes às cobranças realizadas.

A cobrança recorrente oferece comodidade ao consumidor, evitando a necessidade de efetuar pagamentos mensais manualmente e garantindo a continuidade do serviço com débitos automáticos.

Para a empresa, a cobrança recorrente facilita o controle financeiro, reduz a inadimplência e melhora o fluxo de caixa.

 

Quais são os riscos de deixar a cobrança automática?

homem-no-telefone

Apesar das vantagens da cobrança recorrente, é importante estar atento aos riscos de deixar a cobrança automática. Então, hoje o principal risco é a possibilidade de cobranças indevidas.

Assim, caso a empresa debite um valor errado ou realize uma cobrança fora do prazo estabelecido, o consumidor pode ter dificuldades em contestar e reaver o valor pago indevidamente.

Sem contar a possível dificuldade em cancelar o serviço. Algumas empresas podem dificultar o cancelamento da cobrança recorrente, seja através de burocracias desnecessárias ou da falta de informações claras sobre como proceder. Logo, isso pode gerar transtornos e até mesmo prejuízos financeiros para o consumidor.

Como cancelar a cobrança recorrente?

Para cancelar a cobrança recorrente, o consumidor deve seguir alguns passos para evitar problemas durante o processo.

Primeiro, o consumidor deve verificar as políticas de cancelamento da empresa e se certificar de que não há pendências financeiras. Em seguida, ele deve entrar em contato com a empresa por telefone ou e-mail, solicitar o cancelamento e pedir um comprovante desse cancelamento.

O consumidor deve guardar todos os comprovantes e acompanhar o extrato bancário ou a fatura do cartão de crédito para garantir que as cobranças foram interrompidas. Se as cobranças persistirem após o cancelamento, o consumidor deve entrar em contato novamente com a empresa e, se necessário, buscar auxílio dos órgãos de defesa do consumidor.

Quais são as políticas de cancelamento das empresas?

As políticas de cancelamento das empresas variam, por isso o consumidor deve estar atento às informações fornecidas ao contratar o serviço.

Algumas empresas permitem o cancelamento a qualquer momento, sem justificativa, enquanto outras exigem um prazo mínimo de permanência ou cobram uma taxa de cancelamento.

Como evitar cobranças indesejadas?

cobrança indesejada na taxa de pagamento recorrente

Para evitar cobranças indesejadas, o consumidor deve tomar alguns cuidados ao fornecer os dados do cartão de crédito. Ele deve verificar a reputação da empresa antes de fornecer os dados.

Assim, pesquisar sobre a empresa em sites de reclamações e verificar se ela possui certificados de segurança são medidas importantes para evitar fraudes.

Além disso, o consumidor deve ler atentamente os termos e condições do contrato antes de fornecer os dados do cartão de crédito. Portanto, é preciso certificar-se de que não há cláusulas abusivas ou informações contraditórias pode evitar problemas futuros.

Logo, se houver dúvidas, o consumidor deve buscar orientação jurídica antes de prosseguir com a contratação do serviço.

 

Quais são os cuidados que devemos ter ao fornecer dados de cartão de crédito?

O consumidor deve utilizar apenas sites seguros e confiáveis para realizar transações online. Assim, verificar se o site possui o cadeado de segurança e se o endereço começa com “https://” são medidas básicas para garantir a proteção dos dados.

Além disso, deve evitar fornecer os dados do cartão de crédito por telefone ou por e-mail, a menos que tenha certeza da confiabilidade e segurança da empresa.

Por fim, é fundamental também evitar compartilhar os dados do cartão em redes sociais ou em sites não confiáveis para prevenir fraudes.

 

Como identificar cobranças indevidas?

Para identificar cobranças indevidas, é importante acompanhar regularmente o extrato bancário ou a fatura do cartão de crédito. Logo, é fundamental verificar se todas as cobranças estão corretas e se não há nenhum valor desconhecido é fundamental para evitar prejuízos financeiros.

Dessa maneira, caso identifique alguma cobrança indevida, é recomendado entrar em contato imediatamente com a empresa responsável e solicitar a contestação do valor.

Quais são os direitos do consumidor em relação à cobrança recorrente?

O consumidor tem o direito de ser informado de forma clara e transparente sobre as condições do serviço, incluindo as políticas de cancelamento e as formas de pagamento.

Além disso, tem o direito de cancelar a cobrança recorrente a qualquer momento, sem a necessidade de qualquer tipo justificativa.

Por esse motivo, caso haja cobranças indevidas, o consumidor tem o direito de contestar o valor e solicitar o reembolso.

Contudo, caso a empresa se recuse a reaver o valor pago indevidamente, o consumidor pode buscar auxílio dos órgãos de defesa do consumidor ou até mesmo entrar com uma ação judicial.

Como reclamar em caso de cobranças indevidas?

Caso o consumidor identifique taxa de pagamento recorrente ou cobranças indevidas, é importante reclamar imediatamente para evitar prejuízos financeiros.

Então, o primeiro passo é entrar em contato com a empresa responsável e solicitar a contestação do valor. É recomendado fazer isso por escrito, seja por e-mail ou por carta registrada, para ter um comprovante da reclamação.

Caso a empresa se recuse a reaver o valor pago indevidamente, o consumidor pode buscar auxílio dos órgãos de defesa do consumidor.

Hoje é possível registrar uma reclamação no Procon ou buscar orientação jurídica para entrar com uma ação judicial. Logo, como já dito, é fundamental guardar todos os comprovantes de pagamento e de cancelamento, bem como anotar todos os contatos realizados com a empresa.

Conclusão

A cobrança recorrente é uma forma de pagamento cada vez mais popular, mas é importante estar atento aos cuidados necessários para evitar problemas.

Assim, é fundamental ler atentamente os termos e condições do contrato, verificar as políticas de cancelamento da empresa e tomar cuidado ao fornecer os dados de cartão de crédito.

Então, caso identifique cobranças indevidas, é importante reclamar imediatamente e buscar auxílio dos órgãos de defesa do consumidor, se necessário. Afinal, a conscientização e a adoção de medidas preventivas são essenciais para garantir uma experiência segura e tranquila ao optar pela cobrança recorrente.

Por fim, se você está em busca de um bom sistema de cobrança recorrente, conheça a DouraSoft. Ela oferece tudo o que você precisa para automatizar seu financeiro e focar no seu cliente!

FAQs

O que é taxa de pagamento recorrente?

Então, a taxa de pagamento recorrente é uma cobrança que ocorre periodicamente, geralmente mensalmente, para o pagamento de um serviço ou produto que é utilizado continuamente.

Quais são exemplos de serviços que utilizam taxa de pagamento recorrente?

Alguns exemplos de serviços que utilizam taxa de pagamento recorrente são:

  • Assinaturas de revistas;
  • Serviços de streaming de música e vídeo;
  • Planos de academia, entre outros.

Como funciona a cobrança do pagamento recorrente?

A cobrança do pagamento recorrente é feita automaticamente, geralmente por meio de cartão de crédito ou débito em conta. Desse modo, o valor é debitado na conta do cliente na data estabelecida previamente.

É possível cancelar o pagamento recorrente?

Sim, é possível cancelar a taxa de pagamento recorrente a qualquer momento, geralmente por meio do próprio site ou aplicativo do serviço contratado. Contudo, é importante verificar as condições de cancelamento antes de contratar o serviço.

Existe alguma legislação que regulamenta a taxa de pagamento recorrente?

Sim, a Lei nº 13.455/2017, conhecida como Lei do SAC, regulamenta a cobrança de taxa de pagamento recorrente e estabelece regras para o cancelamento do serviço.

Tags:

Compartilhe esse conteúdo

Deixe um comentário

Você também vai gostar desses artigos

Preencha o formulário abaixo