Como criar um quadro de horas extras para controle | Blog DouraSoft

Como criar um quadro de horas extras para controle

horas-extras

É instituído que os trabalhadores cumpram 8 horas diárias e 44 horas semanais. Caso eles trabalhem além desse tempo, as horas extras começam a ser computadas. De acordo com as Leis Trabalhistas, as horas extras devem ser remuneradas com 50% do valor de 1 hora de serviço normal. Esse é um direito assegurado pela justiça a qualquer empregado. Além disso, o funcionário pode realizar um máximo diário de 2 horas extras por dia, sendo que essas devem ser pagas em dinheiro. 

Horas extras podem não ser boas para a empresa, mas elas devem ser feitas somente quando há um acordo mútuo entre patrão e empregado. No entanto, ter funcionários fazendo horas extras pode sair mais barato do que contratar outro colaborador. 

Se você considera que pagar horas extras aos seus funcionários não será bom para sua lotérica, conceda a eles folgas relativas às horas que eles trabalharam a mais. Dessa forma, ambos poderão ter vantagem. Analise o que será melhor para o seu negócio.

Como controlar as horas extras

Depois de termos discutido algumas questões referentes às horas extras, veremos agora dicas para você conseguir manter o controle do banco de horas dos seus funcionários.

1) Conheça a carga horária de cada funcionário

Esse ponto parece óbvio, mas é fundamental que você mantenha o controle da carga horária de cada funcionário de sua empresa. Isso contribuirá para a contagem de horas e favorecerá ambas as partes.

2) Faça controle de ponto

Se sua Lotérica não tem mais de 10 funcionários, o controle de ponto não é obrigatório. No entanto, fazer o controle do horário de saída e de chegada dos seus funcionários é fundamental para resguardar sua empresa de quaisquer denúncias trabalhistas. Não há como controlar horas extras sem haver o controle de horas trabalhadas. 

3) Use a tecnologia a seu favor

Hoje em dia, há muitos softwares que podem te ajudar no controle de horas extras. Use a tecnologia como uma forma de organizar os dados, nem que seja através de uma tabela simples. Gere relatórios através dos dados coletados para que sua equipe tenha acesso a eles também, afinal ela tem esse direito. 

Importância do controle de horas extras

Você ainda tem dúvidas de que realizar esse controle é realmente necessário? Nos anos de 2017 e 2018, o primeiro lugar no ranking de reclamações no Tribunal Superior do Trabalho foram as horas extras. Se seu funcionário fizer uma reclamação alegando que você não tem pagado a ele o que lhe é de direito, você precisará ter como se defender. Por isso, é importante que você mantenha um controle efetivo do banco de horas. 

Leia os pontos abaixo e descubra outros fatores que comprovam a importância do controle de horas extras.

1) Redução de custos

Se você controla bem as horas oferecidas pelos seus funcionários, você evitará que seja pago valores indevidos, reduzindo gastos.

2) Estar de acordo com a legislação

Fazer o controle da jornada dos seus funcionários evitará que eles façam mais de 2 horas extras por dia, mantendo sua empresa de acordo com o que prevê a legislação. 

3) Controle de produtividade

Ao conhecer os dados referentes às horas extras, você saberá qual setor de sua empresa tem demandado mais produção. Assim, você poderá elaborar estratégias para não sobrecarregar seus funcionários, como, por exemplo, contratar outros colaboradores. 

Deixe uma resposta