10 coisas que você precisa saber sobre Blindagem de Lotéricas

10 coisas que você precisa saber sobre Blindagem de Lotéricas

10 coisas que você precisa saber sobre Blindagem de LotéricasEstudos apontam que nunca, na história do país, houve aumento tão expressivo da violência e da criminalidade. A insegurança nos acompanha a todo o momento, seja no trabalho, na rua e até mesmo dentro de casa. E, infelizmente, este número cresce cada vez mais. Por este motivo, produtos blindados deixaram de ser um artigo de luxo e se tornaram uma solução necessária para garantir mais segurança.

Para saber se a blindagem da lotérica é segura, é preciso prestar atenção desde o projeto inicial até mesmo aos pequenos detalhes que muitas vezes passam despercebidos, como fechadura de qualidade, fechamento da parte superior e até mesmo chumbadores que serão utilizados, e que farão grande diferença no resultado final. Quando se fala em blindagem hoje em dia, é necessário pensar em uma solução como um todo. Isso significa que, além de vidros blindados de qualidade, o lotérico deverá cuidar também com a porta de acesso à parte interna da lotérica, caixilhos e colunas que também deverão ser blindados. Afinal, quando se blinda apenas uma parte da lotérica, esta deixa de ter a eficácia da segurança que se procura ao blindá-la e se torna vulnerável.

Produtos blindados, seja aço ou vidro, devem possuir toda documentação necessária exigida pelo Exército Brasileiro e são rigorosamente submetidos a testes oficiais realizados no campo de Marambaia, no Rio de Janeiro, para comprovar sua eficácia. Como o assunto ainda é novidade para a maior parte da população, acreditamos ser de grande importância informar sobre o assunto.

Alguns pontos cruciais referente à blindagem de lotéricas que você precisa saber:

  1. O Exército Brasileiro é o órgão responsável pela fiscalização e autorização de fabricação ou comércio dos produtos blindados.
  2. Toda lotérica blindada precisa ter a documentação correta expedida pelo Exército para que seja assegurada sua qualidade e confiabilidade.
  3. O Regulamento para a Fiscalização dos Produtos Controlados é o R-105 e toda blindagem deve seguir as normas estabelecidas por ele.
  4. Além das normas estabelecidas no R-105, a blindagem deve ainda obedecer às normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e os padrões estabelecidos pela Caixa Econômica Federal.
  5. Por se tratar de produto controlado e fiscalizado, os produtos blindados possuem número de série e devem constar na Nota Fiscal de compra. Sendo assim, cada guichê deverá ter um número específico que o identifica.
  6. Blindar a parte opaca (aço) é tão importante quanto blindar a parte transparente (vidro) e ambas devem possuir a documentação específica, válida e atestada para cada produto.
  7. É preciso prestar atenção nos detalhes também: o passa-notas, o passa-pimpad e até mesmo o passa-voz devem ser cuidadosamente projetados, pois são suscetíveis a causar ferimentos por estilhaços.
  8. Quando se blinda uma lotérica, é importante que o lotérico passe as orientações corretas aos seus funcionários a respeito de segurança e manutenção da mesma, uma vez que nada vale uma porta blindada se a mesma se mantiver aberta.
  9. Desconfie caso seu fornecedor não queira fornecer os documentos da blindagem antes da compra ser efetuada.
  10. Em caso de dúvida, é possível entrar em contato com a ouvidoria do Exército Brasileiro responsável pela sua região através de email ou telefone e verificar a documentação ou as informações referentes à empresa que fornece a blindagem.

Cabe lembrar, ainda, que no caso da empresa não ser a fabricante dos produtos, ela deve apresentar a Nota Fiscal de compra do produto por uma empresa autorizada, bem como toda documentação e certificados da mesma. Blindagem é a solução inteligente, principalmente quando é feita em tempo hábil e por uma empresa de confiança.

Atsushi Narita
Diretor Técnico da Corbon Blindagens

Deixe uma resposta