Dia Nacional do Lotérico na Câmara dos Deputados

Dia Nacional do Lotérico Frente Parlamentar e Sessão Solene na Câmara dos Deputados

Na última quinta-feira, dia 02 de setembro, foi realizada a Sessão Solene de Comemoração ao Dia do Lotérico na Câmara dos Deputados Federais. Na ocasião, o deputado Antônio Goulart lançou a Frente Parlamentar da Rede Lotérica, que terá como principal objetivo a melhoria e o aprimoramento da legislação e das políticas públicas que se referem à classe lotérica em todo o país. Dentre os temas de interesse, está a melhoria da relação entre a Caixa Econômica Federal e a Rede Lotérica e a questão da remuneração repassada à classe.

Diversos deputados discursaram no plenário ao longo da sessão solene e todos parabenizaram os lotéricos para incrível união que a classe vem apresentando nos últimos tempos. Para eles, esta união justifica as conquistas recentes e muito provavelmente irá implicar em excelentes avanços para todos.

Dentre os deputados que falaram, estavam Erika Kokay, Giovani Cherini, Izalci Lucas Ferreria, Julio Lopes, Mauro Benevides, Mauro Pereira, Rôney Nemer e Rubens Bueno. Também participaram da solenidade da criação da Frente Parlamentar da Rede Lotérica, a presidente da ALSPI, Adriana Domingues, o diretor de Estratégia de Canais e Operações da Caixa (DESCO), Walter Nunes, o presidente da Federação Brasileira das Empresas Lotéricas – FEBRALOT, Jodismar Amaro, e representantes de sindicatos dos lotéricos de vários estados do país.

Um dos principais pontos reforçados foi a remuneração dos lotéricos e, nesse sentido, o deputado Antônio Goulart destacou que as lotéricas são capazes de chegar a localidades brasileiras não atendidas pela rede bancária. Com efeito, as mais de 13 mil casas lotéricas espalhadas por 5.300 municípios do país, ajudam a conferir maior agilidade e segurança às transações financeiras de uma parcela da população que, sem esses serviços, estariam privados de benefícios e de recursos importantes para o pleno exercício de sua cidadania.

Ainda segundo Goulart, os lotéricos exercem uma atividade que tem uma função social de altíssima relevância para a sociedade brasileira. Em 2015, foram arrecadados 14.9 bilhões de reais em apostas, dos quais, mais de 7 bilhões foram direcionados para programas sociais do governo, nas áreas da saúde, segurança, seguridade social, cultura, educação e esporte.

Assista ao discurso completo do deputado Antônio Goulart no vídeo abaixo:

O recém empossado presidente da Federação Brasileira das Empresas Lotéricas – FEBRALOT, Jodismar Amaro, pontuou brevemente o histórico de lutas recentes dos lotéricos e reforçou a importância do papel da Câmara dos Deputados nesta trajetória, que culminou em diversas conquistas, incluindo a Lei 13.177 de 15 de outubro de 2015, que sepultou todas as dúvidas que recaiam sobre a renovação dos contratos de permissão de muitas casas lotéricas.

O presidente da FEBRALOT destacou também que existe uma reunião agendada para o dia 14 de setembro com a Diretoria da Caixa Econômica Federal, com o intuito de definir questões acerca da remuneração dos lotéricos. Amaro revelou ainda que as lotéricas estão em 99% do território nacional e prestam um trabalho de excelência, com 87% de aprovação pela população brasileira, valor que nenhum outro banco alcançou. Ele reforçou que a questão da remuneração é uma questão de justiça.

Assista ao discurso do presidente da Federação Brasileira das Empresas Lotéricas – FEBRALOT a seguir:

 

Deixe uma resposta