Skip to main content

O processo de contratação de novos operadores de caixa sempre demanda tempo e energia. Primeiro, porque é preciso focar em contratações assertivas. Segundo, porque contratações erradas são perda de dinheiro no longo prazo. Logo, quanto melhores forem as suas contratações, melhores serão os resultados da sua casa Lotérica.

O operador de caixa é o contato direto entre o cliente e a casa Lotérica. Ele precisa estar preparado para lidar com clientes agressivos, clientes impacientes, problemas com o sistema e qualquer outro imprevisto que venha a acontecer. Portanto, o operador precisa estar preparado e ser adaptável para todas essas situações.

Outro ponto é importante é que operadores precisam de treinamentos, portanto é fundamental alinhar experiência com o treinamento correto, desta forma você otimiza o processo. Não estamos dizendo para não contratar operadores sem experiência, mas é necessário avaliar o seu momento antes de qualquer contratação. Talvez neste momento você não tenha tempo para dar o treinamento correto e precise de alguém mais experiente.

Quais critérios levar em conta na hora de avaliar um novo operador de caixa?

Existem vários critérios para levar em conta durante um processo seletivo. Vamos comentar sobre alguns deles, claro que isso irá variar de Lotérica para Lotérica.

  • Experiência: Um dos primeiros fatores para avaliar é se o candidato tem ou não experiência em casas Lotéricas. Posteriormente, é preciso ver se existe aptidão com a função. Além disso, é preciso considerar também o tempo de serviço.
  • Comunicação: Outro ponto crucial para todo operador é saber se comunicar bem. É importante, porque o operador terá que lidar com todos os tipos de clientes. Além disso, é preciso saber se comunicar sobre pressão, pois muitas vezes os clientes chegam estressados e precisamos saber lidar com isso.
  • Capacidade para lidar com problemas: Imagine o seguinte cenário, quinta dia útil do mês, horário de almoço, e o sistema cai. Uma fila enorme,vários clientes impacientes, estressados e sem nada que possamos fazer. Logo, é fundamental saber lidar com problemas dentro de casas Lotéricas.

Outro ponto bacana a se considerar é a capacidade de raciocínio lógico. Não é muito comum, mas podem ser aplicados teste rápidos de cálculos básicos. O objetivo não é julgar certo ou errado, mas sim avaliar a capacidade de resolução dos operadores de caixa.

A capacidade de raciocinar rápido é fundamental, porque pode facilitar o dia a dia do operador. Imagine, durante os trocos, é impossível perder tempo conferindo e re-conferindo. Isso acaba prejudicando o cliente, o atendimento e os demais clientes que estão na fila.

Um novo operador de caixa precisa de tempo

É preciso dar tempo ao tempo. Muitas vezes contratamos um funcionário promissor, mas devido a correria dentro das casas Lotéricas, acabamos queimando uma ponte. Além disso, os funcionários precisam de tempo para se adaptar. 

Portanto, precisamos investir tempo e recursos em novos funcionários para que possamos extrair o melhor deles.

Para facilitar as nossas decisões, precisamos investir em contratações pontuais. Por isso, é importante escolher funcionários que se encaixem em nosso modelo de negócio, desta forma evitamos perder tempo e otimizamos o processo.

Por fim, recomendamos que caso tenha dificuldade em contratar um funcionário, busque por um empresa especializada em processos seletivos. Isso tornará o processo muito mais assertivo.

Leave a Reply